terça-feira, 25 de outubro de 2011

DECIDA-SE!


Neste dia da sua vida, creio que Deus quer que você saiba ...
... que esperar para ver o que acontece não é
a melhor maneira de tomar decisões.

Não decidir é decidir. O que você decide
agora ao não decidir? O que você está escolhendo
ao não escolher? É assim que você quer viver
sua vida: por defeito?

É hora de você tomar uma decisão. Você precisa
de um maior sinal do que este?

 Neale Donald Walsch

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

El derecho al delírio - Eduardo Galeano

Ya está naciendo el nuevo milenio. No da para tomarse el asunto demasiado en serio: al fin y

al cabo, el año 2001 de los cristianos es el año 1379 de los musulmanes, el 5114 de los mayas

y el 5762 de los judíos. El nuevo milenio nace un primero de enero por obra y gracia de un

capricho de los senadores del imperio romano, que un buen día decidieron romper la

tradición que mandaba celebrar el año nuevo en el comienzo de la primavera. Y la cuenta de

los años de la era cristiana proviene de otro capricho: un buen día, el papa de Roma decidió

poner fecha al nacimiento de Jesús, aunque nadie sabe cuando nació.

El tiempo se burla de los límites que le inventamos para creernos el cuento de que él nos

obedece; pero el mundo entero celebra y teme esta frontera.

Una invitación al vuelo

 

Milenio va, milenio viene, la ocasión es propicia para que los oradores de inflamada verba

peroren sobre el destino de la humanidad, y para que los voceros de la ira de Dios anuncien el

fin del mundo y la reventazón general, mientras el tiempo continúa, calladito la boca, su

caminata a lo largo de la eternidad y del misterio.

La verdad sea dicha, no hay quien resista: en una fecha así, por arbitraria que sea, cualquiera

siente la tentación de preguntarse cómo será el tiempo que será. Y vaya  uno a saber cómo

será. Tenemos una única certeza: en el siglo veintiuno, si todavía estamos aquí, todos

nosotros seremos gente del siglo pasado y, peor todavía, seremos gente del pasado milenio.

Aunque no podemos adivinar el tiempo que será,  sí que tenemos, al menos, el derecho de

imaginar el que queremos que sea. En 1948  y en 1976, las Naciones Unidas proclamaron

extensas listas de derechos humanos; pero la inmensa mayoría de la humanidad no tiene más

que el derecho de ver, oír y  callar. ¿Qué tal si empezamos  a ejercer el jamás proclamado

derecho de soñar? ¿Qué tal si deliramos, por un ratito? Vamos a clavar los ojos más allá de la

infamia, para adivinar otro mundo posible:

 

el aire estará limpio de todo veneno que no venga de los miedos humanos y de las humanas pasiones;

en las calles, los automóviles serán aplastados por los perros;

la gente no será manejada por el automóvil, ni será programada por la computadora, ni será

comprada por el supermercado, ni será mirada por el televisor;

el televisor dejará de ser el miembro más importante de la  familia, y será tratado como la

plancha o el lavarropas;la gente trabajará para vivir, en lugar de vivir para trabajar;

se incorporará a los códigos penales el delito de estupidez, que cometen quienes viven por

tener o por ganar, en vez de vivir por vivir nomás, como canta el pájaro sin saber que canta y

como juega el niño sin saber que juega;

en ningún país irán presos los muchachos que se nieguen a cumplir el servicio militar, sino

los que quieran cumplirlo;

los economistas no llamarán nivel de vida al nivel de consumo, ni llamarán calidad de vida a

la cantidad de cosas;

los cocineros no creerán que a las langostas les encanta que las hiervan vivas;

los historiadores no creerán que a los países les encanta ser invadidos;

los políticos no creerán que a los pobres les encanta comer promesas;

la solemnidad se dejará de creer que es una virtud, y nadie tomará en serio a nadie que no sea

capaz de tomarse el pelo;

la muerte y el dinero perderán sus mágicos  poderes, y ni por defunción ni por fortuna se

convertirá el canalla en virtuoso caballero;

nadie será considerado héroe ni tonto por hacer lo que cree justo en lugar de hacer lo que más

le conviene;

el mundo ya no estará en guerra contra los pobres, sino contra la pobreza, y la industria

militar no tendrá más remedio que declararse en quiebra;

la comida no será una mercancía, ni la comunicación un negocio, porque la comida y la

comunicación son derechos humanos;

nadie morirá de hambre, porque  nadie morirá de indigestión; los niños de la calle no serán

tratados como si fueran basura, porque no habrá niños de la calle;

los niños ricos no serán tratados como si fueran dinero, porque no habrá niños ricos;

la educación no será el privilegio de quienes puedan pagarla;

la policía no será la maldición de quienes no puedan comprarla;la justicia y la libertad, hermanas siamesas condenadas a vivir separadas, volverán a juntarse,

bien pegaditas, espalda contra espalda;

una mujer, negra, será presidenta de Brasil y otra mujer, negra, será presidenta de los Estados

Unidos de América; una mujer india gobernará Guatemala y otra, Perú;

en Argentina, las locas de Plaza de Mayo serán un ejemplo de salud mental, porque ellas se

negaron a olvidar en los tiempos de la amnesia obligatoria;

la Santa Madre Iglesia corregirá las erratas de las tablas de Moisés, y el sexto mandamiento

ordenará festejar el cuerpo;

la Iglesia también dictará otro mandamiento, que se le había olvidado a Dios: «Amarás a la

naturaleza, de la que formas parte»;

serán reforestados los desiertos del mundo y los desiertos del alma; los desesperados serán

esperados y los perdidos serán encontrados, porque ellos son los que se desesperaron de tanto

esperar y los que se perdieron de tanto buscar;

seremos compatriotas y contemporáneos de todos los que tengan voluntad de justicia y

voluntad de belleza, hayan nacido donde hayan nacido y hayan vivido cuando hayan vivido,

sin que importen ni un poquito las fronteras del mapa o del tiempo;

la perfección seguirá siendo el aburrido privilegio de los dioses; pero en este mundo chambón

y jodido, cada noche será vivida como si fuera la última y cada día como si fuera el primero.

domingo, 25 de setembro de 2011

Dont worry, be happy (Seja tolerante com a vida)

Seja tolerante com a vida. Não apresse as coisas. Saboreie-as mais. Faça mais planos e seja mais assertivo e específico sobre os planos que está fazendo, e em tudo o que você faz, deixe a sua intenção dominante ser encontrar o que lhe dá prazer, como você o imagina. Deixe o seu desejo de prazer - o seu desejo de se sentir bem - ser o seu único farol orientador. Ao buscar os pensamentos que o fazem sentir bem, você vai sempre estar em harmonia vibracional com a Energia da sua fonte. E, nessas condições, apenas o bem pode vir a você, e só o bem pode vir de você.
--- Abraham

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

VAI PENSAMENTO

Côro dos Escravos - Um momento intenso e de grande emoção para os apaixonados pela liberdade
No último dia 12 de março a Itália festejava os 150 anos de sua criação, ocasião em que a Ópera de Roma apresentou a ópera Nabuco de Verdi, símbolo da unificação do país, que invocava a escravidão dos Judeus na Babilônia, uma obra não só musical mas também, política à época em que a Itália estava sujeita ao império dos Habsburgos (1840).
Sylvio Berlusconi assistia, pessoalmente, à apresentação, que era dirigida pelo maestro Ricardo Mutti. Antes da apresentação o prefeito de Roma, Gianni Alemanno - ex-ministro do governo Berlusconi, discursou, protestando contra os cortes nas verbas da cultura, o que contribuiu para politizar o evento.
Como Mutti declararia ao TIME, houve, já de início, uma incomum ovação, clima que se transformou numa verdadeira "noite de revolução" quando sentiu uma atmosfera de tensão ao se iniciar os acordes do coral "Va pensiero" o famoso hino contra a dominação. Há situações que não se pode descrever, mas apenas sentir; o silêncio absoluto do público, na expectativa do hino; clima que setransforma em fervor aos primeiros acordes do mesmo. A reação visceral do público quando o côro entoa - "Ó minha pátria, tão bela e perdida Ao terminar o hino os aplausos da plateia interrompem a ópera e o público se manifesta com gritos de "bis", "viva Itália", "viva Verdi".
Não sendo usual dar bis durante uma ópera, e embora Mutti já o tenha feito uma vez em 1986, no teatro La Scala de Milão, o maestro hesitou pois, como ele depois disse: "não cabia um simples bis; havia de ter um propósito particular".
Dado que o público já havia revelado seu sentimento patriótico fez com que o maestro se voltasse no púlpito e encarasse o público, e com ele o próprio Berlusconi.
Fazendo-se silêncio, pronunciou-se da seguinte forma, e reagindo a um grito de "longa vida à Itália" disse RICCARDO MUTTI:
"Sim, longa vida à Itália mas... [aplausos]. Já não tenho 30 anos e já vivi a minha vida, mas como um italiano que percorreu o mundo, tenho vergonha do que se passa no meu país. Portanto aquiesço ao vosso pedido de bis para o Va Pensiero. Isto não se deve apenas à alegria patriótica que senti em todos, mas porque nesta noite, enquanto eu dirigia o côro que cantava "Ó meu pais, belo e perdido", eu pensava que a continuarmos assim mataremos a cultura sobre a qual assenta a história da Itália. Neste caso, nós, nossa pátria, será verdadeiramente "bela e perdida". [aplausos retumbantes, inclusive dos artistas da peça] Reina aqui um "clima italiano"; eu, Mutti, me calei por longos anos.
Gostaria agora...nós deveriamos dar sentido a este canto; como estamos em nossa casa, o teatro da capital, e com um côro que cantou magnificamente e que é magnificamente acompanhado, se for de vosso agrado, proponho que todos se juntem a nós para cantarmos juntos."
Foi assim que Mutti convidou o público a cantar o Côro dos Escravos.
Toda a ópera de Roma se levantou... O coral também se levantou. Vê-se, também, o pranto dos artistas.
Foi um momento magnífico na ópera!
Um momento intenso e de grande emoção para os apaixonados pela liberdade!
AGORA NÃO DEIXEM DE VER E OUVIR (e acompanhar a letra, abaixo traduzida)


Va Pensiero
Va', pensiero, sull'ali dorate.
Va', ti posa sui clivi, sui coll,
ove olezzano tepide e molli
l'aure dolci del suolo natal!
Del Giordano le rive saluta,
di Sionne le torri atterrate.
O mia Patria, sì bella e perduta!
O membranza sì cara e fatal!
Arpa d'or dei fatidici vati,
perché muta dal salice pendi?
Le memorie del petto riaccendi,
ci favella del tempo che fu!
O simile di Solima ai fati,
traggi un suono di crudo lamento;
o t'ispiri il Signore un concento
che ne infonda al patire virtù
che ne infonda al patire virtù
al patire virtù!

Vai pensamento
Vai, pensamento, sobre as asas douradas
Vai, e pousa sobre as encostas e as colinas
Onde os ares são tépidos e macios
Com a doce fragrância do solo natal!
Saúda as margens do jordão
E as torres abatidas do sião.
Oh, minha pátria tão bela e perdida!
Oh lembrança tão cara e fatal!
Harpa dourada de desígnios fatídicos,
Porque você chora a ausência da terra querida?
Reacende a memória no nosso peito,
Fale-nos do tempo que passou!
Lembra-nos o destino de jerusalém.
Traga-nos um ar de lamentação triste,
Ou o que o senhor te inspire harmonias
Que nos infundam a força para suportar o sofrimento
Que nos infundam a força para suportar o sofrimento
para suportar o sofrimento



sábado, 10 de setembro de 2011

Acelerando para o fim dos tempos - Profecia Hopi

O seguinte é um excerto de “O último grito nativo americano & Profecias do Fim dos Tempos”, do Dr. Robert Ghost Wolf © 1994-2004 Ele tem aparecido em numerosos artigos sobre a web, e em revistas de todo o mundo.
«A história do Kachina Azul é uma história muito antiga, muito antiga. Tenho tido conhecimento da história do Kachina Azul desde que eu era muito jovem. Contaram-me esta história avós que agora estão entre 80 e 108 anos de idade. Frank Waters também escreveu sobre Saquasohuh, a Kachina Estrela Azul, em O Livro dos Hopi, A história veio do avô Dan, um “ancião” Hopi
Foi-me dito que a primeira Kachina azul passaria a ser visto no danças, e faria sua aparição para as crianças na praça durante a dança da noite. Este evento nos diria que o fim dos tempos está muito próximo. Em seguida, a Estrela Azul Kachina fisicamente aparecerá nos nossos céus o que significaria que estámos no fim dos tempos.
Nos últimos dias, vamos olhar os céus e vamos testemunhar o regresso dos dois irmãos que ajudaram a criar esse mundo na época do parto. Poganghoya é o guardião do nosso Pólo Norte e o seu irmão Palongawhoya é o guardião do pólo sul.
Nos últimos dias a Estrela Azul Kachina virá para estar com os seus sobrinhos e eles vão voltar a Terra à sua rotação natural que é a de contra-relógio.
Este fato é evidenciado em muitas pinturas rupestres que falam do Zodíaco, e dentro das pirâmides maias e egípcios. A rotação da Terra tem sido manipulada por seres Estrelares não muito benevolentes. Os gémeos serão vistos nos nossos céus vindos do Noroeste. Eles vão entrar e visitar para ver quem ainda se lembra dos ensinamentos originais voando nos seus Patuwvotas, ou escudos voadores. Eles vão trazer muitas de sua família estelar com eles nos últimos dias.
O retorno do Estrela Azul Kachina, que também é conhecido como Nan ga sohu será o despertador que nos fala de um novo dia e dum novo modo de vida, um mundo novo que está chegando.É aqui que as mudanças vão começar. Eles vão chegar como incêndios que queimam dentro de nós, e iremos vamos ter de queimar os desejos e os conflitos se não nos lembrarmos dos ensinamentos originais, e voltar ao modo de vida pacífico.
Não muito atrás dos gémeos virá a Purificadora Kachina vermelha, que trará o Dia da Purificação. Neste dia da Terra, suas criaturas e toda a vida como a conhecemos mudará para sempre. Haverá mensageiros que irão preceder esta vinda do purificador. Eles vão deixar mensagens para aqueles na Terra que se lembram dos velhos dias.
As mensagens serão encontrados escritas em pedra viva, através dos grãos sagrados, e até mesmo nas águas. (Círculos da colheita foram encontrados no gelo) Do purificador irá surgir uma grande Luz Vermelha. Todas as coisas vão mudar na sua maneira de ser. A todos os seres vivos será oferecida a oportunidade de mudar do maior para o menor coisa.
Aqueles que voltarem ao caminho que nos foi dada nos ensinamentos originais, e viver uma forma natural de vida não será tocado pela vinda do purificador. Eles vão sobreviver e construir o mundo novo. Apenas nos ensinamentos antigos será a capacidade de entender as mensagens de ser encontrado.
É importante entender que essas mensagens podem ser encontradas em todos os seres vivos, mesmo dentro de nossos corpos, mesmo dentro de uma gota de nosso sangue. Todas as formas de vida irão receber as mensagens dos gémeos .. aqueles que voam, as plantas, até mesmo o coelho. A aparição dos gémeos inicia um período de sete anos que vai ser a nossa última oportunidade para mudar os nossos caminhos. Tudo o que experienciamos é uma questão de escolha.
Muitos parecerão ter perdido suas almas nestes últimos dias. Tão intensa será a natureza das mudanças que aqueles que forem fracos de espírito vão ficar loucos, pois não somos nada sem espírito. Eles desaparecerão, pois eles serão como vasos ocos que se usa para qualquer coisa. A vida vai ser tão ruim nas cidades que muitos vão optar por deixar esta vida. Alguns em grupos inteiros.
Somente aqueles que retornarem aos valores dos outros tempos serão capazes de encontrar paz de espírito. Porque na Terra iremos encontrar alívio para a loucura que vai haver ao nosso redor. Será um momento muito difícil para as mulheres grávidas, pois serão abortadas, e muitas das crianças nestes tempos não serão perfeitas. Alguns seres das Estrelas de mundos passados, alguns vão mesmo ser criado pelo homem de forma não natural e não terão alma. Muitas das pessoas nessa altura estarão vazias de Espírito estarão Sampacu. Com nenhuma força da vida nos seus olhos.
À medida que se aproximar a hora da chegada do Purificador haverá aqueles que caminham como fantasmas pelas cidades, através de desfiladeiros que construiram nas montanhas feitas pelo homem. Aqueles que andam por esses lugares vai ter um passo muito pesado, parecerá quase doloroso, pois que cada passo para eles será desligado de seu espírito e da Terra.
Após a chegada dos gêmeos, eles vão começar a desaparecer diante dos vossos olhos como fumaça negra. Outros terão grandes deformidades, tanto na mente como nos seus corpos.Haverá aqueles que andam no corpo que não são desta realidade, pois muitos dos portões que nos protegeram antes serão abertos, haverá muita confusão. Confusão entre os sexos, as crianças e os mais velhos.
A vida vai ficar muito pervertido, e não haverá pouca ordem social, nestes tempos. Muitos pedirão para as montanhas-se cairem sobre eles apenas para acabar com a sua miséria. Outros ainda aparecerão como se intocados pelo que está ocorrendo. Os que se lembram dos ensinamentos originais e têm reconectado os seus corações e espíritos. Quem se lembra da sua mãe e do seu pai. O Pahana que deixaram de viver nas montanhas e florestas.
Quando o Purificador vier vamos vê-lo primeiro como uma pequena estrela vermelha que vai chegar muito perto e sentar-se em nossos céus nos observando. Nos observando para ver como temos lembrado os ensinamentos sagrados.
Este purificador nos mostrará muitos sinais miraculosos em nossos céus Desta forma saberemos que o Criador não é um sonho. Mesmo aqueles que não sentem a sua conexão com o espírito vão ver o rosto do criador no céu. Coisas invisíveis serão sentidas muito fortemente.
Muitas coisas começarão a acontecer que não farão sentido, a realidade vai estar mudando como dentro e fora dum estado de sonho. Haverá muitas portas para o mundo inferior que serão abertas nesse momento. Coisas há muito esquecidas vão voltar para nos lembrar das nossas criações passadas. Todos os seres vivos vão querer estar presentes para o dia de hoje quando o tempo terminar, e entrarmos no ciclo de sempre do Quinto Mundo.
Nós vamos receber muitos avisos que nos permitem mudar os nossos caminhos, desde de baixo da Terra, bem como de cima.Então uma manhã será o momento. Vamos despertar para a Red amanhecer. O céu ficará da cor do sangue, muitas coisas começarão a acontecer que agora ainda nem temos a certeza de sua natureza exata. Pois a maior parte da realidade não será como é agora.
Haverá muitas feras estranhas sobre a Terra, naqueles dias, algumas do passado e algumas que nunca vimos. . A natureza da humanidade vai parecer estranha, nesses tempos andamos entre mundos e iremos abrigar muitos espíritos, mesmo dentro dos nossos corpos Depois de um tempo, vamos novamente caminhar com os nossos irmãos das estrelas, e reconstruir esta Terra. Mas não até o Purificador deixar a sua marca no universo.
Nenhuma coisa viva vai ficar intocada, aqui ou no céu. O caminho através desse tempo é dito poder ser encontrada nos nossos corações, e se unindo ao nosso eu espiritual. Caminhando para uma vida mais simples e voltar a viver com e sobre a Terra e em harmonia com suas criaturas. Lembrando que somos os guardiões, os guardiões do fogo do Espírito. Nossos parentes das Estrelas estão voltando para casa para ver o quão bem nós temos sido justos na nossa jornada.
As imagens desta apresentação são de Seres Humanos, meus avós Hopi ... eles estavam dizendo a verdade ... ainda há tempo para você mudar.»
Traduzi este texto, do site AWAKENINGASONE.COM, onde pode ver 2 excelentes vídeos legendados (se seleccionar cc --Português - total 41 min), extraído da versão Inglesa "The Quickening" (a aceleração -- 1h16min), donde constam partes (a negrito) desta profecia.

A apresentação é muito esclarecedora:
Em todo o planeta centenas de milhões de pessoas estão esperando que eventos se vão desenrolar no ano de 2012, que eles...acreditam trará ou o nascimento de uma nova realidade harmoniosa ... ou o fim do mundo.
Mas, e se esses eventos foram realmente para acontecer ainda este ano, em 2011?
Em “Awakening As One” do novo filme "A Aceleração" vamos explicar por que tantas pessoas têm experimentado a sensação de que "o tempo está se acelerando", particularmente desde o terremoto no Japão.
E também vamos mostrar como as pesquisas indicam que esta experiência acelerada da realidade poderia ter um pico por volta de 28 de outubro de 2011; culminando em uma experiência global de Consciência da Unidade, o que, então, levar-nos-à à experiência de uma maneira nova de ser harmoniosa.
"A Aceleração" também vai dar uma olhada no desenrolar dos acontecimentos atuais e como eles se relacionam diretamente com as profecias dos Hopi e dos Maias, o que indica que estamos na cúspide de grandes mudanças, que significam a mudança da idade ... e o nascimento de um Novo Mundo.
Para quem não domina o Inglês, aqui vai uma tradução semi-automática da transcrição do filme, junto com o texto deste post: 

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Atracção [1]

Tome uma decisão sobre o que você quer, dê-lhe a sua atenção , encontre a sensação disso - e você está lá instantaneamente. Não há nenhuma razão para você sofrer ou debater-se no seu caminho ou por qualquer coisa.
~Abraham

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Sopa de pedra

Encontrei várias histórias/lendas ligadas a esta famosa sopa, não só aqui (Almeirim sobretudo) mas em todo o mundo, com algumas variantes interessantes como esta que me apeteceu partilhar

«Alguns soldados famintos, retornando de uma guerra, encontrar uma aldeia onde os moradores afirmaram não terem nenhuma comida para partilhar, e estarem morrendo de fome (eles realmente tinham escondido os alimentos que tinham, para protegê-los da pilhagem dos soldados). Os soldados ofereceram-se para partilhar os seus próprios pratos com os moradores, pois, embora eles próprios não tivessem comida, afirmaram saber como fazer sopa de nada mais que uma pedra.
Os aldeões, espantados, forneceram um pote de água e fogo, e os soldados colocaram dentro uma pedra e levaram a ferver.Eles anunciaram que, em apenas pouco tempo teriam sopa bem nutritiva . Aparentemente como uma reflexão tardia, um soldado acrescenta que embora a sopa só de pedra fosse nutritivo, o sabor seria muito melhorada pela adição de uma cebola ou duas - mas mendigos não podem escolher. Um ou dois dos aldeões admitiram que eles talvez fossem capazes de encontrar tal coisa, e certamente em breve retornaram com algumas cebolas e uma cabeça de alho. E os soldados os adicionaram ao pote. Um pouco depois, um soldado comentou que embora nutritiva e aromática a sopa de pedra ficasse com uma cebola pequena, certamente algumas raízes completarim o sabor ainda mais - mas se os desejos fossem cavalos ... Mais uma vez, alguns aldeões sairam e logo retornaram com algumas cenouras e um par de beterrabas.
Desta forma, item por item,pequenas adições foram feitas à panela a ferver - um osso de assuã, alguma cevada, batatas, legumes variados e verdes, um pouco de salsicha, sal, ervas.»
E aqui encontrei dois finais, sendo o mais comum, a da esperteza saloia dos soldados levada ao extremo:
«E, ao final da refeição, tendo agradecido aos aldeões por ajudá-los a fazer uma das melhores sopas de pedra que já tinham comido, um dos soldados alcança o pote, tirou a pedra e continuaram no seu caminho.«
Mas há outro final que me parece mais interessante:
«Eles comeram e dançaram e cantaram até alta noite, refrescados pela sopa e seus novos amigos. De manhã os três soldados acordartam e encontraram toda a aldeia de pé diante deles. A seus pés jazia uma bolsa de melhores pães da aldeia e queijo. "Vocês nos deram o maior dos dons: o segredo de como fazer sopa de pedras", disse um ancião ", e que jamais esqueceremos." O terceiro soldado se virou paraa multidão, e disse: "Não há nenhum segredo, mas esta isto é uma verdade: só através da partilha podemos fazer a festa.»

Há quem considere que esta última "moral" é a mesma história da multiplicação dos pães, que deram alimento a cinco mil. Ninguém teria seguido Jesus para o interior sem levar um pouco de comida e, provavelmente, um odre de vinho com eles. Todos eles os tinham escondido em suas vestes, mas todos negaram ter qualquer coisa por medo de ter que o compartilhar É claro Jesus sabia disso e pediu a seus discípulos para compartilhar o pouco que tinham. Assim como na Sopa de Pedra, isso incentivou alguns, e depois muitos, e por fim todos a partilhar a sua própria comida. E, como sabemos, todos ficaram alimentados. Se a interpretação usual fosse a mais credível, Jesus nada mais seria que um mágico.Quem seguiria um homem assim? Se Ele é alguém que pode ensinar aos homens a amarem seus vizinhos e compartilhar com eles na hora da necessidade, então Ele é alguém que todos nós podemos aprender, amar e adorar provávelmente.Isto para mim é o verdadeiro milagre - o milagre que podemos fazer nós mesmos quando for a hora certa.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Portugal Sem Prozac: O Movimento Slow Life

Portugal Sem Prozac: O Movimento Slow Life: "O 'Movimento Slow Food' surgiu na Itália, e difundiu-se no Japão, uma sociedade que sofre os efeitos de uma rápida expansão económica se..."

terça-feira, 28 de junho de 2011

Tudo está bem!

Tudo está bem, e você nunca vai conseguir tudo. A vida é suposta ser divertida. Ninguém está a tomar qualquer tipo de pontuação, e se você parar de se pontuar tanto, irá se sentir muito melhor - e enquanto você se sentir melhor, mais as coisas que você deseja agora fluirão para você. Você nunca estará num lugar onde todas as coisas que está querendo lhe serão satisfeitas imediatamente, senão você poderia ficar completo - e você nunca o pode estar. Esse lugar incompleto em que você está é o melhor lugar onde você poderia estar. Você está no caminho certo, na hora exata. Tudo está se desenrolando perfeitamente. Tudo está muito bem. Divirta-se. Divirta-se. Divirta-se!

--- Abraham

quinta-feira, 9 de junho de 2011

A disciplina que vale a pena

"A disciplina que gostaríamos que você exercitasse é a de tomar a decisão de que nada é mais importante do que você se sinta bem, e que você procure encontrar pensamentos que o façam sentir melhor. Sua cortiça flutuando é a única coisa que vale a pena ter disciplina."  --- Abraham

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Expectativa, o que é?

Expectativa é um enfoque com uma vibração que permite o recebimento do que focalizou - e, você espera as coisas, tanto as que quer como as que não deseja.
~Abraham

domingo, 8 de maio de 2011

O que você está planeando?

Tudo o que você está pensando é, literalmente, como planear um acontecimento futuro. Quando você estiver preocupado, você está planeando. Quando você está apreciando, você está planeando ... O que você está planeando?
~Abraham

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Você foi criado para criar...

"...você foi criado para criar -- não para reagir.
A criação é a forma mais elevada da Divindade, e seu direito de nascença. A verdade é, você cria o tempo todo. A pergunta central em sua vida é se você faz isso conscientemente ou inconscientemente.

A criação consciente é o que é preciso agora. Pare de ser triste. E pare de pensar pensamentos negativos. Simplesmente faça isso! O amanhã espera sua escolha de como ele vai ser. Determine! Faça acontecer! Você está no comando aqui.

~ Neale Donald Walsch (Blog soleatitude)